segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

MÁFIA DAS ÓRTESES E PRÓTESES - Parte 01

Aqui está um jogo de parafusos pediculares (com um barra). São três parafusos pediculares e uma barra.  São parafusos pediculares importados. E são superior e bem melhores que os nacionais. A única fabricante nacional que produz um implante de boa qualidade é a paranaense Neoortho. Ela também tem um ferramental (instrumental) de ótima qualidade. O resto é nota 5. 


Não existe um suposto esquema, existe sim é um esquema de pagamentos de comissões a médicos (ortopeditas, buco-maxilo-macial, neurocirurgiões e cirurgiões cardíacos) no RS e no Brasil. 

A matéria exibida no Fantástico (no dia 04/01/2015) retrata o que ocorre no RS e no Brasil. Só que é o a ponta do novelo. Existe um Hospital no Rio Grande do Sul que é chamado de SÃO STENT DE PAULA. E a POLÍCIA FEDERAL sabe onde é a cidade desse Hospital. E tem investigação em andamento...

A excelente reportagem exibida no Fantástico , onde o repórter Giovanni Grizotti mostra um esquema de pagamentos de comissões a famosos e conhecidos médicos e distribuidores de implantes, que agem em 5 (cinco) Estados. Só que o esquema de propinagem atinge a totalidade dos Estados brasileiros. A POLÍCIA FEDERAL já está com adiantadas investigações sobre o crime. Aguardem!!! 

A comissão paga no Rio Grande do Sul varia de 20% a 50%. No Rio e São Paulo a comissão é de 15% a 50%. A POLÍCIA FEDERAL dever ir é na contabilidade de uma fabriqueta que fica em São Leopoldo, que está localizada na Av. São Borja, 1123...

É não é um minoria que recebe. É a maioria que recebe propina. Famosos cirurgiões (neurocirurgiões e ortopedistas) de coluna vertebral, cirurgiões cardíacos, buco-maxilo-facial só colocam implantes se receberem pagamentos.


O ferramental (instrumental) importado (foto) é muito superior ao ferramental (instrumental produzido no Brasil) 

Os implantes nacionais não os melhores, são os mais baratos, os implantes importados, os importados de qualidade (Meditronic, Ulrich, Zimmer, DePuy, Aesculap, etc) são melhores e mais caros. O ferramental que é utilizado nas cirurgias de quadril, joelho, coluna dos importados é muito superior aos ferramentais nacionais (Osteomed, GM Reis, Ortosíntese, Biomecânica, etc). Só que os preços cobrados são exagerados. 

Enxertos Ósseos...

Preclude:  indicado para cirurgiões de tumores, traumatismo de crânio, etc. O SUS não oferece esse tipo de material. Só os bons Planos de Saúde pagam...

O que encarece uma cirurgia de Coluna Vertebral são os "recheios". Os RECHEIOS são os famosos (mas necessários) Enxertos Ósseos e Hemostáticos Absorvível. Só que são caríssimos. E não existe o controle na colocação desses materiais no paciente. O cirurgiões pode dizer que colocou 6 gramas (ou doses) e colocar 3 gramas (ou doses). Mas cobra pelas 6 gramas (ou doses). Cada grama (dose) pode custar até R$ 5 mil. Numa cirurgia de Coluna Vertebral só de enxerto o valor pode chegar a R$ 30 mil. Sem falar nos implantes (parafusos pediculares, hastes, cross-link, barras, cages). 

A POLICIA FEDERAL já sabem quem são os REPRESENTANTES no Rio Grande do Sul que pagam propina para os neurocirurgiões e ortopedistas... E não são minoria. São maioria...

No começo de 2001, o MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL) desmontou a MÁFIA DAS ÓRTESES E PRÓTESES DO HOSPITAL CRISTO REDENTOR. Máfia que era protegida por famosos políticos (um foi foi assassinado pertinho do Supermercado Zaffari da Cristóvão Colombo) e o outro é deputado federal do PMDB. 

A questão é que a UNIMED e alguns outros Planos de Saúde de segunda linha não querem pagar para seus "clientes" os implantes importados. Querem pagar os implantes nacionais. Só que uma pessoa inteligente sabe que os implantes com seus respectivos ferramentais (instrumentais) são bem superiores aos nacionais. E são bem mais caros. A questão é os implantes importados são caros e devem baixar baixar os seus preços. Uma pessoa não pode querer comprar uma Mercedes pelo preço de uma Fiat Uno. 

Deve existir um meio termo. Uma cirurgia que o SUS paga R$ 8 mil, o importado (de boa qualidade)  cobra  R$ 160 mil (sem os recheios).  O certo é que uma cirurgia do SUS deve custar R$ 8 mil e o importado (de boa qualidade como Meditronic, Ulrich, Aesculap, Zimer, DePuy deve custar R$ 60 mil (sem os recheios). O SUS não paga os recheios.

Estou falando de uma cirurgia de coluna vertebral com 6 parafusos pediculares, 2 barras, 1 Cross-link, 4 cages... R$ 60 mil reais (sem recheio) está muito bem pago para um material da Meditronic, de uma Zimmer, de uma Ulrich, de uma DePuy,  e R$ 8 mil está muito bem pago para um material nacional da Osteomed, GM Reis, Ortosíntese, Biomecânica, etc

Famosos cirurgiões recebem sim comissão!!! E é a grande e esmagadora maioria!!!

A POLÍCIA FEDERAL E O FANTÁSTICO TEM QUE TAMBÉM EXAMINAR MELHOR AS COMISSÕES DOS CIRURGIÕES CARDÍACOS QUE ATUAM EM 2 FAMOSOS HOSPITAIS DE PORTO ALEGRE... 

A UNIMED DO RIO GRANDE DO SUL É UM PLANO DE SEGUNDA LINHA!!! NÃO PASSA DE UM SUS PIORADO!!!

Um comentário:

  1. Fiz uma artrodese em 2013, com 21 parafusos e duas hastes, as duas hastes quebraram, estou totalmente encurvada pra frente, sáo da marca OSTEOMED, pelo que vejo, ela só é investigada aí no Sul, aqui no estado de Sao Paulo fazem vistas grossas a essa fabrica.poderia me mandar mais informaçoes sobre a referida emoresa? Será que só no RS o material dela deu problema? E no estado de SP serã que estã tudo certinho?

    ResponderExcluir