sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL BLOQUEIA BENS DO EX-GOVERNADOR AGNELO QUEIROZ (PT) E MAIS QUATRO RATAZANAS...



Ex-governador é acusado de superfaturamento de contrato em reforma do autódromo

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal bloqueou os bens do ex-governador Agnelo Queiroz e de outras 4 pessoas, apontadas como responsáveis pelo superfaturamento de contratos para a reforma do autódromo Nelson Piquet, em Brasília. O circuito receberia a corrida de abertura da Fórmula Indy no dia 8 de março, mas a etapa foi cancelada por problemas financeiros e falhas na execução das obras. O bloqueio e bens dos 5 acusados somam quase R$ 38 milhões.

Além o ex-governador, são salvo da decisão o ex-secretário de Publicidade do Distrito Federal, André Duda; ex-presidente da Terracap, Maruska Lima; ex-chefe de comunicação da Terracap, Sandoval de Jesus Santos e o ex-diretor financeiro da Terracap, Jorge Antônio Ferreira Braga. A decisão também é referente ao cancelamento de contrato de publicidade da Fórmula Indy. 

Só tem ratazanas!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário