segunda-feira, 27 de março de 2017

A FALSA GRIFFE DA SANTA CASA, MOINHOS E MÃE DE DEUS...


Conhecidos e famosos nosocômios utilizam seu nome (sua griffe) para "administrar" estabelecimentos hospitalares que possuem filantropia e mananciais de pacientes... O MODUS OPERANDI das griffe da Saúde são todos iguais. Eles só querem "administrar" nosocômios nas questões básicas da Saúde. Só querem atender baixa complexidade (no limite do contrato).  O real objetivo das griffes é fazer uma triagem nos pacientes do SUS e nos pacientes com Planos de Saúde. O objetivo é buscar os pacientes rentáveis. Querem o filé nos seus nosocômios da capital. Fazem o feijão com arroz para os inglês ver...

Vão garimpar pacientes do interior ou na região metropolitana nos nosocômios onde vão administrar ou estão administrando.... Os nosocômios "atendidos" pelas griffes não vão crescer, não vão prosperar. Os pacientes do SUS de alto custo (de alta complexidade) e os pacientes de Planos de Saúde (de alta complexidade) não vão ficar onde eles "administram". Esses pacientes serão levados para Porto Alegre. A Santa Casa só quer o filé do SUS. O Moinhos ou Mãe de Deus só visa  os pacientes com Planos de Saúde. Os dois buscam aqueles pacientes que necessitam procedimentos de alta complexidade, onde os Planos de Saúde pagam alto... 


Só um Secretário (a) Municipal da Saúde desinformado não sabe que as griffes não querem o crescimento dos hospitais locais. Os locais só servem como  iscas. As griffes não querem concorrência. As griffes não querem a descentralização da Saúde!!!

Cabe ao administrador da Saúde escolher bem um parceiro (uma OS, uma OSCIP) para administrar...

Distinguir o Joio do Trigo...

Não escolher as GAMPs e os ISEVs da vida...

As griffes não querem concorrência para seus Hospitais da capital...

São lobos em pele de cordeiro!!!

As griffes buscam FILANTROPIA e pacientes de ALTA COMPLEXIDADE do SUS e dos Planos de Saúde...

Olhem o que o SISTEMA DE SAÚDE MÃE DE DEUS fez no HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE CANOAS. Os dois andares desativados é um exemplo do MODUS OPERANDI das GRIFFES...

Nos anos que o MÃE "administrou" o HU, ocorreu algum crescimento ou melhoria no nosocômio de Canoas? Bingo! Não!

O resto é conversa fiada!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário