quinta-feira, 16 de março de 2017

MÁFIA DAS ÓRTESES E PRÓTESES DO DISTRITO FEDERAL


Funcionárias da TM Medical são ouvidas no processo da Máfia das Próteses

Na audiência de instrução do processo da Operação Mister Hyde, Rosângela Silva de Sousa disse que lacres de materiais eram trocados pelo de produtos de qualidade superior para aumentar o faturamento da empresa

A vendedora Rosângela Silva de Sousa foi ouvida na última quarta-feira (15), em audiência de instrução do processo da OPERAÇÃO MISTER HYDE, que investiga a Máfia das Próteses do Distrito Federal. No depoimento dado ao juiz da 2ª Vara Criminal de Brasília, Paulo Marques da Silva, do Tribunal de Justiça do DF e dos Territórios, a então instrumentadora cirúrgica da TM Medical detalhou que, em algumas ocasiões, foi orientada a trocar os lacres de alguns produtos cirúrgicos, como cages e parafusos pediculares, para garantir maior faturamento à empresa.a

A TM Medical é a principal empresa envolvida no esquema criminoso desmontado pela ação da Polícia Civil e do MPDFT em setembro do ano passado. A TM Medical era de propriedade de um "médico"...

Em depoimento ao TJDFT, ela detalhou que os médicos que participavam do esquema recebiam propina que varia de 15% a 30% sobre o valor dos produtos vendidos. 

O Rio Grande do Sul é também "campeão" dos 30%. Os médicos do RS recebem por CONSULTORIAS FANTASMAS...

INTELIMED, IMPROTEC, PROHOSP, I... e SERRA NORDESTE são especialistas em CONSULTORIAS...

No Paraná é o pessoal da Be...., da Inova.... Inova vende implantes Endo e Cardiovasculares...

Nenhum comentário:

Postar um comentário