quinta-feira, 2 de março de 2017

MÁFIA DAS PRÓTESES DE CURITIBA


O Blog recebeu algumas informações de Curitiba:

"Milton Bezerra Leite, sócio da empresa BECA SOLUÇÕES PARA MEDICINA LTDA, e agora com o irmão SIRIO BEZERRAA LEITE na empresa BIOLOGICAL COMÉRCIO DE MATERIAIS MÉDICOS HOSPITALARES, ambos sediados em Curitiba-PR, é um cara com uma história interessante, está citado no processo que correm em segredo de justiça (O CASO DAS CC-5).

Querem informações sobre o Sr. Milton???

http://www.tribunapr.com.br/noticias/politica/caso-das-cc-5-tem-mais-55-acusados/

Banco Araucária - Controladores, Acionistas e Responsáveis: Alberto Dalcanale Neto, Fernando da Silva Peixoto, Luiz Alberto Dalcanale, Milton Bezerra Leite (atual dono da BECA), Nilton Cordoni Júnior, Othoniel Reinhar Júnior, Paulo Konder Bornhausen,  Pierre Cícero Pinheiro Cunha, Reinaldo Silva Peixoto, Reinoldo Tuleski, Roger Dalcanale, Ruth Whately Bandeira de Almeida

Entrou no ramo da ORTOPEDIA, pois sua factoring não estava recebendo os valores emprestados de uma empresa de Curitiba, resolveu empreender nesse ramo, e de lá para cá houve muita fumaça, perdeu a distribuição da marca SMITH NEPHEW devido a COMPLIANCE, depois foi sumariamente descredenciado da UNIMED CURITIBA por diversas práticas contestáveis.

Agora sua empresa mudou seu MODUS OPERANDI. Não paga mais comissão diretamente aos parceiros médicos.  Agora ele está pagando 25% de comissão das vendas para seu gerente, e ele operacionaliza o pagamento para seus parceiros médicos. Todos sabem em Curitiba que um vendedor/gerente recebe no máximo 5% na efetuação de uma venda. Os 20% vão para quem??? Bingo!!! Para os parceiros...

A nova prática já foi denunciada ao MPF, PF e Receita Federal.

A BECA e a BIOLOGICAL estão dominando o mercado de Curitiba...

A BECA tem parceria com a ZIMMER/FUSÃO...

É hora do COMPLIANCE da ZIMMER agir. Ou será que concordam com pagamento de propina para seus parceiros médicos???

Querem saber mais sobre a BECA???

Acessem o google: www.becamedicina.com.br

Um comentário:

  1. Parabéns pela reportagem !!! Mais vale ressaltar que em todo o Brasil vem acontecendo algumas situações que chegam a ser engraçadas!!! Distribuidores que tinham como parceiras grandes marcas Americanas M e J e que perderam a exclusividade por causa do COMPLIANCE . Migraram para os fabricantes Asiaticos que até então era rejeitado por diversos cirurgiões, hospitais e convenios. Como esses distribuidores tinham um Grande relacionamento com esses cirurgiões e Convenios, os mesmos passaram a aceitar os materiais asiaticos. Antes não prestavam, agora funciona nas cirurgias sem problemas!!!! " O GRANDE PROBLEMA DA MÁFIA COMEÇA NOS AUDITORES DE CONVENIOS QUE NÃO EVOLUIRAM E NÃO ACEITAM QUE ATUALMENTE EXISTEM PARA TODAS AS ESPECIALIDADE MAIS DE 3 MARCAS CONFIAVEIS, COM QUALIDADE" Enquanto acharem que exclusividade é melhor do que ter cotações e negociações por cada cirurgia, vão continuar ficando totalmente nas mãos de Médicos e Auditores corruptos.

    ResponderExcluir