quinta-feira, 2 de março de 2017

MARCOS MAZONI E SEUS ESQUEMAS NA MILIONÁRIA ÁREA DE INFORMÁTICA...


A Operação Lava Jato está na cola do ex-diretor-presidente do SERPRO - Serviço Federal de Processamento de Dados. O gaúcho Mazoni teve papel fundamental no esquema de corrupção que beneficiou o ex-ministro José Dirceu em contratos milionários de tecnologia para dois ministérios (um é o da Saúde) e também na ANTT - Agência Nacional de Transportes Terrestres, em 2014 e 2015, inclusive para as Olimpíadas. Tudo era decidido pelo poderoso gaúcho. 

Mazoni é um grande entusiasta do software livre, foi um dos percursores do ramo no Brasil. 

O rapaz trabalhou, por 20 anos na CRT (Companhia Riograndense de Telecomunicações). Também atuou na Prefeitura de Porto Alegre, na Procempa (aquela dos escândalos milionários). Foi presidente da Procergs, de 1999a a 2002, diretor da Celepar (a Procergs dos paranaenses). É também ligado ao senador Requião. Foi diretor-presidente do Serpro, de 2007 a 2016.

O eclético Mazoni gosta de processar jornalistas...

Mazoni é observado com "carinho" pelo Juiz Sérgio Moro!!!

Mazoni é homem de confiança do José Dirceu (o bandido que está preso em Curitiba) e do Senador Roberto Requião, vulgo Maria Louca...

Nenhum comentário:

Postar um comentário