quinta-feira, 8 de junho de 2017

O ex-prefeito de Pelotas Eduardo Leite é questionado sobre o curso que fez nos EUA. Foi bancado pela Comunitas?


O vereador Marcus Cunha (PDT), da Câmara Municipal de Pelotas, anunciou que está encaminhando robusta denúncia ao MP envolvendo o ex-prefeito Eduardo Leite (PSDB), que teria favorecido durante seu governo a Comunitas, organização de sociedade civil sediada em São Paulo, e agora estaria sendo bancado por essa mesma entidade como estudante na Columbia University, nos Estados Unidos. "O ex-prefeito insistiu em fazer um contrato SEM LICITAÇÃO com o grupo ligado ao PSDB e depois recebeu este benefício por trazer a Comunitas a qualquer preço para Pelotas?", questionou Cunha, que mostrou na tribuna da Câmara, uma cópia da página da Universidade, onde o nome do ex-prefeito de Pelotas apareceria como aluno visitante patrocinado pela Comunitas ou representando a organização.

Eduardinho é o candidato do PSDB ao governo gaúcho...

O vereador também questionou a intenção da atual prefeita, Paula Mascarenhas (PSDB), de manter a consultoria com a Comunitas em Pelotas. Marcos Cunha afirmou que pretende investigar esse novo contrato, pois não teria ocorrido nenhum processo de licitação para firmar o mesmo. O parlamentar pedetista lembrou a contratação SEM LICITAÇÃO, em 2014, da FALCONI CONSULTORIA, por mais de R$ 2 milhões, que foi denunciada pelo Legislativo municipal e suspensa pela Justiça no ano seguinte. Em 2015, o juiz Bento Fernandes de Barros Júnior, da 4ª Vara Cível Especializada em Fazenda Pública de Pelotas, julgou procedente ação do MP e declarou anulado o contrato firmado entre o município de Pelotas e o Instituto de Desenvolvimento Gerencial, em fevereiro de 2014, cujo objetivo era "auxiliar na melhoria do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB)" no município.

O PSDB é campeão em contratar "consultorias" milionárias SEM LICITAÇÃO. Contratar Organizações Sociais SEM LICITAÇÃO está no DNA dos TUCANOS/MBL...

Nenhum comentário:

Postar um comentário